Quer um ambiente livre da Covid? A Local Confiável monitora medidas de higiene e segurança nas empresas

Dani Rosolen - 13 abr 2021
COMPARTILHE

Nome:
Local Confiável.

O que faz:
É um sistema de certificação sanitária para empresas com o objetivo de assegurar boas práticas em estabelecimentos de qualquer segmento.

Que problema resolve:
Serve como um mecanismo claro e amigável para a empresa divulgar normas e procedimentos; e para clientes e colaboradores identificarem e reportarem não conformidades. A startup faz uma auditoria remota da empresa, verificando as normas sanitárias levando em conta os decretos e protocolos de cada região. Se a empresa estiver em conformidade, recebe um selo que atesta o cumprimento de 100% dos requisitos obrigatórios. Após a certificação, instala ainda QR Codes em diferentes pontos do estabelecimento, por meio dos quais qualquer pessoa (seja o cliente, o colaborador ou o fornecedor) pode reportar problemas ou situações que não estejam de acordo com os protocolos de combate à pandemia.

O que a torna especial:
Segundo os sócios, o diferencial é oferecer uma fiscalização descentralizada, feita em tempo real por clientes e colaboradores. Além disso, os fundares apontam a vantagem do custo, segundo eles, dez vezes menor do que uma certificação tradicional. A startup está preparada para certificar, além da segurança sanitária, outras normas e ainda para atuar em certificações co-branded e white label.

Modelo de negócio:
O Local Confiável opera no modelo SaaS com recorrência mensal.

Fundação:
Outubro de 2020.

Sócios:
Antonio Borba — Co-CEO
Brunna Veiga — Co-CEO
Fernanda Martins — CSO
Juliano Gusso Fagundes — Board Advisor

Fundadores:

Antonio Borba 47 anos, Recife (PE) é formado em Engenharia Eletrônica pelo Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná. É CEO da Rede Magic.

Brunna Veiga 43 anos, São Paulo (SP) é formada em Psicologia pela PUC-PR, com especialização em Administração pela PUC-RS. Trabalhou na área de RH , People&Culture e Talent Acquisition em empresas como Caliper do Brasil, Tigre e vhsys.

Fernanda Martins 43 anos, Curitiba (PR) é formada em Farmácia pela PUC-PR, com especialização em Gestão da Qualidade pela Universidade Federal do Paraná. Tem experiência em assuntos regulatórios e ISO 9001, ISO 13485, ISO 22716. É CEO da Regulatory Consultoria.

Juliano Gusso Fagundes 44 anos, Curitiba (PR) é formado em Processamento de Dados pela SPEI (Sociedade Paranaense de Ensino e Informática). É COO da Rede Magic.

Como surgiu:
Segundo os sócios, a ideia da startup Local Confiável surgiu com a chegada da pandemia e foi concretizada com um forte desejo de contribuir para salvar vidas e negócios. “Acreditamos que a segurança sanitária é um novo asset e ajudando os negócios a retomarem suas atividades, ajudaremos pessoas a retomarem suas vidas com segurança”, diz Brunna. “Antes de iniciarmos a venda da certificação no mercado, trabalhamos na implantação de POCs (Provas de Conceito), considerando diversos segmentos para a avaliação e a aceitação dos clientes, colaboradores e donos dos estabelecimentos. Foram certificados restaurantes, academias, escritórios, gráficas e mercados em diferentes estados”, afirma Antonio.

Estágio atual:
O Local Confiável tem escritório físico em Curitiba e conta com 52 locais monitorados no Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Aceleração:
Busca aceleração.

Investimento recebido:
Os sócios investiram 300 mil reias no negócio.

Necessidade de investimento:
A startup quer captar 3 milhões de reais para serem investidos em marketing e vendas; tecnologia; time; e despesas gerais e administrativas.

Mercado e concorrentes:
“Acreditamos que novos hábitos de consumo adquiridos durante a pandemia vieram para ficar. A segurança sanitária tornou-se algo essencial para as marcas e percebemos que os clientes e colaboradores estão sensibilizados e indignados pela falta de posicionamento das empresas. Identificamos a necessidade de direcionar os negócios, desde saber quais protocolos básicos seguir até a melhor forma de comunicar isso aos seus clientes e colaboradores”, afirma Brunna. Ela aponta como concorrentes a Certificação COVID FREE – IBES, a  SafeHealth&CleanProtocol – DQS do Brasil, a Certificação Safeguard – Bureau Veritas, o Selo de Confiança – ABNT e  COVID SAFE – Apcer

Maiores desafios:
“Não estamos otimistas quanto ao término da pandemia imediatamente após a população ser vacinada. O tema segurança sanitária ainda perdurará por muitos anos, segundo especialistas e estudos de mercado. Um dos nossos maiores desafios é conscientizar as empresas das necessidades sanitárias que vieram para ficar mesmo após a Covid-19”, conta Antonio.

Faturamento:
Mais de 162.600 reais em contratados firmados até o momento.

Previsão de break-even:
Em 12 meses.

Visão de futuro:
“Queremos ajudar as empresas a se adequarem às melhores práticas ESG e Compliance. Nosso plano prevê a expansão da certificação Local Confiável para além de normas de segurança sanitária e para atuação em certificações formato co-branded e white label. Nosso plano prevê melhorias no produto, permitindo oferecer também uma plataforma de treinamento e pesquisa de satisfação. Além de expandirmos para diversos segmentos e em todas as regiões do Brasil, com a conquista de mercado adquirida em 2021, lançaremos em 2022 um aplicativo Local Confiável. Ele será responsável também por atingir o mercado B2C, mostrando para os usuários os Locais Confiáveis perto da região em que estão”, diz Brunna.

Site
Contato

 

706 Total Views 2 Views Today
COMPARTILHE

Confira Também: