APRESENTA

Programa Conexões, no qual a Sodexo promove debates de temas diversos para estimular a inovação, cresce e muda de formato

Cláudia de Castro Lima - 15 out 2020
Com o tema alimentação, acontece amanhã o primeiro talk show gratuito e aberto ao público; família Conexões ganha novos membros, como um que promove experiências para os clientes Sodexo (Imagem: Katemangostar/Freepik)
COMPARTILHE

Como você está se alimentando durante a pandemia? É possível comer melhor? Existem, de fato, alimentos que melhoram nossa imunidade? E qual é nosso papel para que menos gente passe fome?

Respostas para essas perguntas devem sair de um debate rico com três especialistas de diferentes áreas, que a Sodexo promove amanhã no Conexões Ao Vivo. Em formato de talk show, o Conexões Ao Vivo faz parte de um programa que acaba de crescer e formar família, o Conexões.

Cria de Juliana Cebalos, Supervisora de Inovação e Desenvolvimento de Novos Produtos da Sodexo, o Conexões nasceu em abril de 2017 para oferecer aos colaboradores da empresa palestras de temas diversos: de mobilidade urbana a nutrição, passando por empatia e colaboração no ambiente de trabalho.

A infância: eNOVhub

Juliana Cebalos, Supervisora de Inovação e Desenvolvimento de Novos Produtos da Sodexo e idealizadora do Conexões

“O objetivo, desde o início, sempre foi trazer conhecimento, inspiração e conexões, no sentido mais amplo do termo”, diz Juliana sobre a, digamos, versão beta do programa, que foi batizada de Conexões eNOVhub. “Isso significa não apenas conexões entre pessoas, mas também de novas ideias, novos pensamentos, novas formas de fazer as coisas.”

Afinal, o que é inovar, pergunta-se a supervisora, se não pensar em formas diferentes e mudanças de processos que tragam melhorias ou resultados positivos? “Inovação não está relacionada apenas a tecnologias disruptivas”, afirma ela.

“E inovar também não deve ser apenas responsabilidade da área de inovação de uma empresa, e sim de todos os colaboradores.”

Na concepção do Conexões, Juliana tinha exatamente isso em mente. “Os temas são diversos porque é importante a pessoa ter uma visão mais ampla de mundo. É aprendendo coisas novas que nós pensamos de formas novas.” As palestras aconteciam então na sede da empresa, em Alphaville, Barueri, na Grande São Paulo.

A adolescência: Innov’Hub

O sucesso da iniciativa fez com que a Sodexo pensasse em ampliá-la para atingir mais colaboradores. “Começamos então a transmitir os eventos em links”, conta. “E aí pensamos: se estamos transmitindo as palestras, por que não levar o conteúdo para clientes também?”

Daí para atingir o consumidor das soluções Sodexo e até quem ainda não é usuário foi um pulo – ou melhor, um clique. “Filmávamos o evento presencial e distribuíamos em nossas redes sociais, atingindo assim o cliente RH das empresas, os estabelecimentos, os usuários dos cartões Sodexo e até mesmo quem ainda não é usuário.”

O evento, já rebatizado de Conexões Innov’Hub, foi testando novos modelos, como debates, em que mais de um convidado expunha seu ponto de vista – sempre contemplando a diversidade de temas e assuntos explorados. E estava funcionando muito bem.

Até que chegou a pandemia.

A maturidade: Conexões forma família

Com o isolamento social imposto pelo novo coronavírus e a impossibilidade de levar palestrantes e equipe reunidos em um mesmo local, a Sodexo deparou-se com o dilema: ou cancelava o ciclo de palestras ou adaptaria o formato para o ambiente digital.

Para que fosse transformada, no entanto, foi necessária uma mudança em seu formato. “Em uma transmissão pelo Facebook, por exemplo, não é possível ter um apresentador. Então era só o palestrante falando sozinho, o que não era o que queríamos oferecer.”

O Conexões passou, portanto, como aconteceu com muitos negócios e serviços durante a pandemia, por uma transformação digital. Transmitido por meio de uma plataforma de videoconferências, ele é aberto a quem quiser participar, bastando ao interessado inscrever-se gratuitamente e, depois, entrar no link que recebe por e-mail.

Com esse novo propósito em mente, a Sodexo desenvolveu um novo planejamento para ampliação do Conexões. As palestras vão continuar acontecendo, abertas para o público e com temas diferentes e distintos, porém, agora conta com frentes complementares:

  • Conexões Ao Vivo, que promove bate-papos de assuntos diversos, sob diferentes perspectivas: de especialistas, influenciadores digitais, formadores de opinião, colaboradores Sodexo, clientes e parceiros;
  • Conexões Ao Vivo Melhores Práticas, uma variação do Ao Vivo que leva ao usuário o conceito de “maker” ou “do it yourself”, em que um especialista ensina de fato a pessoa a fazer algo, como um chef dando dicas de como preparar uma pizza;
  • Conexões Experiências, que tem como propósito oferecer aos clientes da Sodexo vivências que passam pelo ambiente digital, mas podem ser vivenciadas no offline, como uma degustação de vinhos, aulas para aprender um prato específico com um chef, experiências com pets;
  • Conexões Trends, uma curadoria de conteúdo de tendências de consumo, de mercado e de comportamento em vídeos;
  • Conexões Cursos, uma websérie que conta com conteúdo educacional para os principais stakeholders da Sodexo sobre temas diversos;
  • Conexões #TBT, uma pílula de conteúdo que resgatará mensalmente algum conteúdo relevante que foi apresentado no Conexões.

O novo Conexões em formato talk show

Nessa sua nova versão, que tem início agora no dia 16 de outubro, o ciclo de palestras Conexões, rebatizado de Conexões Ao Vivo, ganha o formato de um talk show, com a apresentadora Renata Quintella, e três convidados (mais um tradutor de libras), que debatem temas distintos, para públicos de múltiplos interesses.

A atriz, roteirista, diretora artística e palestrante Renata Quintella é também uma empreendedora social – é dela o Instituto A Nossa Jornada, que conecta pessoas que precisam de algo com pessoas que possam ajudá-las: de um abraço a um café, passando por escrever uma carta e marcar uma consulta médica.

Ela também é cofundadora do Projeto Bem-Vindo, Você Chegou Em Casa, que acolhe refugiados de guerra em casas de famílias brasileiras.

No primeiro programa, para falar de comida, Renata recebe a nutricionista da Sodexo Soraia Batista, o chef e apresentador do “Cozinha Amiga” na TV Gazeta Beto Almeida e Davi Barreto, gerente de sustentabilidade da Sodexo e superintendente do Instituto Stop Hunger.

O ISH é uma organização sem fins lucrativos, criada e mantida pela Sodexo, cuja missão é tornar-se uma força de liderança no combate à fome e à má nutrição de forma sustentável no Brasil.

“Dia 16 é o Dia Mundial da Alimentação, e esse é um tema muito importante para nós da Sodexo e para nosso Instituto Stop Hunger”, explica Juliana.

“Experimentar formas diferentes de aprender sempre foi o propósito do Conexões. Para alcançar esse propósito, nada melhor do que debater assuntos fora da nossa zona de conforto para desenvolver conhecimentos novos”, afirma Fernando Cosenza, Vice-Presidente de Marketing Estratégico, Inovação e Digital na Sodexo.

“Com a pandemia, acrescentamos mais uma dimensão a isso: a experiência virtual. Assim, continuaremos apostando na capacidade da Sodexo Benefícios de provocar inovação. Acreditamos que isso acontece quando mantemos a mente aberta ao enfrentamos os desafios de negócio.”

Interessou-se em participar do Conexões? Acompanhe então a programação nas redes sociais e aqui no site da Sodexo.

2988 Total Views 8 Views Today
COMPARTILHE

Confira Também: