Seleção Draft – Indie

Kaluan Bernardo - 20 mar 2015 Games indies estão desafiando os gigantes. (foto: The Acade/Reprodução).
Games indies estão desafiando os gigantes. (foto: The Acade/Reprodução).
Kaluan Bernardo - 20 mar 2015
COMPARTILHE

 

O mercado brasileiro de games indies
Enquanto há produções cada vez mais caras no mercado de videogames, com jogos que atingem o orçamento de 500 milhões de dólares, outros vão na contramão, produzindo jogos caseiros e com propostas mais arriscadas. São os indie games. Assim como uma banda alternativa, eles têm seu mercado e se destacam não por padrões massificados, mas pela inovação que miram.

No Brasil, onde o orçamento para desenvolvimento de jogos ainda não é tão alto, resta aos profissionais dos games nacionais trilharem este caminho alternativo. A Galileu desenhou um panorama do mercado nacional e mostra que, se não há tanto dinheiro por aqui, ideia boa é o que não falta.

 

10 anos tentando fazer dinheiro online
Esta é a história de Jonathan Ward. Há dez anos ele empreende na internet. Já teve todo tipo de negócio online e já tentou todo tipo de monetização. Já fez conteúdo que não deu dinheiro e também já ganhou muito dinheiro do nada. Também já perdeu tudo. Agora ele resolveu contar sua história e, nela, ao analisar seus erros, ele traz uma série de lições e reflexões que podem ser muito importantes para qualquer um que está empreendendo online. Ele escreve bem abertamente, vale a leitura.

 

Vantagens de abrir negócios em cidades menores
Muitos se iludem achando que para ter um negócio bem sucedido é necessário desenvolvê-lo em uma megalópole, onde o mercado é maior. Mas, em um mundo globalizado e virtualizado como o vivemos, nem sempre você precisa criar o seu negócio onde estão seus clientes. Por outro lado, há várias vantagens que só pequenas cidades podem oferecer, como o menor custo de instalação, funcionários com mais tempo livre (já que não passam horas presos no trânsito), entre outros que você pode ler na matéria do link acima.

 

Como esse app conseguiu 2,3 milhões de downloads
Stuart Hall desenvolveu o 7 Minute Workout em seis horas e não gastou um centavo em marketing. Mesmo assim, conquistou 2,3 milhões de downloads. Pode parecer mentira, mas tudo se concentra em um combo de boas ideias com conhecimentos de ASO (App Store Optimizaton, uma espécie de SEO para apps). O empreendedor conta como conseguiu isso, passo a passo em um post bem interessante com vários gráficos bacanas.

 

COMPARTILHE

Confira Também: