A dinâmica de uma empresa com apenas duas funcionárias (e sócias)

Daniela Paiva - 30 jul 2015

Bárbara Ávila e Ana Viana, as sócias do Buji (que você conheceu aqui) falam um pouco sobre a dinâmica de serem elas, também, as únicas duas funcionárias da empresa.

Cumplicidade, complementariedade, divisão de tarefas, diferenças de personalidade. Tudo precisa estar em equilíbrio.

“Uma completa a outra. Por sermos duas, uma segura a outra”, diz Ana, e prossegue: “Empreender é complicado. Já teve momentos em que eu teria desistido se não tivesse a Bárbara, e não sucumbi porque ela estava ao meu lado”.

 

Play para ver mais

267 Total Views 1 Views Today
COMPARTILHE

Confira Também: