“Em 2016, teremos de ser mais criativos”

Phydia de Athayde - 5 jan 2016

Caio Dib tem 25 anos e, com o Caindo no Brasil, já rodou quase o país inteiro em busca de práticas inovadoras na educação (em breve publicaremos uma reportagem sobre ele e seu projeto).

No vídeo acima ele fala sobre como o seu business atravessou 2015, até que não tão mal: “2015 foi um ano surpreendente, novos projetos começaram, muitos eventos aconteceram, e muita gente já está pensando em novos projetos para 2016 sobre educação. Mesmo com os cortes financeiros e orçamentários, deu para realizar muita coisa”.

Caio também fala das perspectivas para o ano que começa “Estou muito otimista com 2016. É um ano em que vemos ter que ser mais criativos em algumas coisas, mas não enxergo um cenário tão ruim assim. A gente fica mais incentivado a inovar e achar novos caminhos para uma educação de qualidade acontecer”, diz ele.

 

Play para ver mais!

35 Total Views 1 Views Today
COMPARTILHE

Confira Também: