A Exmed é uma healthtech que combina investimentos, seguros e uma rede de saúde e bem-estar no mesmo aplicativo

Dani Rosolen - 20 dez 2021 Dani Rosolen - 20 dez 2021
COMPARTILHE

Nome:
Exmed.

O que faz:
É uma healthtech que combina investimentos, seguros e uma rede de saúde e bem-estar. Funciona assim: o cliente faz aportes financeiros em sua conta digital e esse valor pode ser utilizado para pagar consultas médicas, serviços de diagnósticos e procedimentos, além da contratação de um pacote de seguros, com proteção para despesas com diárias de internação hospitalar até 200 mil reais e outras coberturas.

Que problema resolve:
Busca resolver o alto custo de ter um plano de saúde, oferecendo uma alternativa a esse modelo, com consultas e exames a preços mais acessíveis.

O que a torna especial:
Segundo os fundadores, o que torna a Exmed especial é reunir em um único aplicativo serviços médicos, um pacote de seguro e uma conta que aufere rendimentos financeiros. A rede credenciada de médicos e serviços de diagnóstico oferece preços acessíveis; o seguro cobre internação hospitalar, morte ou invalidez por acidente e auxílio funeral; e na conta digital, é possível construir uma reserva financeira com rendimentos próximos ao CDI. A destinação desse dinheiro fica a cargo do cliente e pode ser sacado a qualquer momento, sem penalidades.

Modelo de negócio:
A Exmed é remunerada com uma taxa de assinatura mensal (paga pelo cliente) e por uma participação (paga pela seguradora) para fazer a gestão do seguro. “O modelo é inovador porque, além de dar acesso a uma rede médico-hospitalar completa com itens de bem-estar, oferece uma proteção para internação hospitalar robusta, e consegue propor uma solução viável para a saúde dentro do âmbito regulatório do BACEN e SUSEP, fora do modelo tradicional regulado pela ANS”, afirmam os sócios. 

Fundação:
Abril de 2019.

Sócios:
Sérgio Bivar Cofundador
Antonino Coelho Cofundador

Fundadores:

Sérgio Bivar 43 anos , Recife (PE) é formado em Finanças e Marketing pela University of South Florida. Atuou na Excelsior Seguros como CFO e na Excelsior Saúde como CMO.

Antonino Coelho 59 anos , Recife (PE) é formado em Administração de Empresas pela Faculdade Nova Roma. Foi gerente administrativo e financeiro da Saúde Excelsior e diretor administrativo e financeiro da Saúdeseg.

Como surgiu:
Os sócios da Exmed se conheceram quando trabalhavam no Grupo Excelsior como executivos da Saúde Excelsior, uma operadora regional de plano de saúde que foi vendida para a Amil em 2012, sendo absorvida pela United Health.  Depois da venda, já conhecendo os diversos atritos de uma operação dessa complexidade, eles contam que se inspiraram no modelo norte americano de Health Savings Account para repensar a saúde suplementar no Brasil, criando a Exmed.

Estágio atual:
A healthtech está em fase de soft opening em Pernambuco e deve começar as operações em São Paulo nos próximos meses. Atualmente a empresa conta com 35 colaboradores, tem escritório em Recife e São Paulo e cerca de mil pessoas já baixaram o aplicativo.

Aceleração:
Não teve.

Investimento recebido:
Os sócios investiram cerca de 5 milhões de reais na operação.

Necessidade de investimento:
A Exmed está se preparando para a primeira rodada de captação de cerca de 15 milhões de reais. O investimento será direcionado para as áreas de marketing, tecnologia, credenciamento e atendimento.

Mercado e concorrentes:
“Acreditamos que o setor de saúde precisa de uma solução que rompa paradigmas. Além do mercado atual dos planos, que fatura cerca de 85 bilhões de reais por ano, há um oceano azul. Milhões de brasileiros aguardam uma solução que que lhes seja acessível, que realinhe responsabilidades dentro de uma proposta justa e que coloque  a saúde num horizonte de sustentabilidade a longo prazo. Nenhuma outra empresa tem um  modelo parecido, o que faz com que a Exmed concorra com os planos de saúde populares. Abaixo da Exmed estão os cartões de benefício que oferecem consultas e exames a baixo custo, mas que não garantem proteção ou acesso a rede hospitalar nem incluem prestadores renomados”, conta Antonino.

Maiores desafios:
“Nosso maior desafio é criar um novo segmento. É comunicar um produto inovador e demonstrar credibilidade, além de ter uma TI ágil na implantação de novas funcionalidades com inteligência para trabalhar bem os dados, sem nunca abrir mão da segurança. Isso tudo com velocidade, afinal a concorrência não vai ficar parada”, diz Sérgio.

Faturamento:
Ainda não fatura.

Previsão de break-even:
2023.

Visão de futuro:
“Queremos alcançar um milhão de usuários nos próximos três anos e fazer com que o nome Exmed seja sinônimo de uma nova categoria na saúde”, afirma Antonino.

Onde encontrar:
Site
Contato

 

Você tem uma startup que já é mais do que um sonho, mas ainda não é uma empresa totalmente estabelecida? Escreva para a gente. Queremos conhecê-lo. E, quem sabe, publicar um perfil da sua iniciativa aqui na seção Acelerados. Esse espaço é feito para que empreendedores como você encontrem investidores. E para que gente disposta a investir em novos negócios encontrem grandes projetos como o seu.

881 Total Views 1 Views Today
COMPARTILHE

Confira Também: