O equilíbrio entre se permitir e se perdoar: Bianca Amaral é o Retrato da semana!

Rafaela Carvalho - 3 jan 2020
A diretora da Tempo Tem vive um constante jogo de equilíbrio entre todas as tarefas que precisa cumprir, e o caminho, que raramente sai como o planejado, está longe de ser perfeito. Por isso mesmo ela conta sua história. Está no ar o podcast do Draft!
COMPARTILHE

Bianca é o tipo de pessoa que pode ser vista pelas pessoas à sua volta como a Mulher Maravilha: uma carreira promissora, um casamento feliz e dois filhos de quem cuida com maestria. Mas quando engravidou, aos 29 anos, o primeiro sentimento que ela teve foi de receio. Para quem estava começando a se firmar em sua profissão, a notícia de uma criança a caminho causou insegurança: ela conseguiria manter o emprego? Como balancearia a maternidade com aquilo que já havia criado profissionalmente?

A verdade é que ela não é impecável no que faz, e nos últimos seis anos, desce o nascimento de sua primeira criança, ela precisou aprender a lidar com a vida de forma pragmática. E o primeiro passo para isso é parar de sentir culpa por não ser perfeita. Em uma conversa franca e direta com Rafaela Carvalho, editora de conteúdo do Draft, a diretora da Tempo Tem fala sobre como se mantém presente nas atividades do dia a dia, seja participar da vida escolar dos filhos ou gerenciar funcionários no trabalho. Na vida profissional, ela se sente útil encontra formas de se desenvolver como indivíduo que presta serviços à sociedade. Na vida materna, vê a oportunidade de desenvolver habilidades e capacidades pessoais que, como num ciclo, a transformam não só em uma mãe melhor, mas também uma profissional mais habilidosa, que olha para as pendências de trabalho de maneira holística.

Seu olhar diante da rotina é honesto: ela sabe que não vai conseguir fazer todas as coisas ao mesmo tempo, mas sabe, também, que há momentos em que ela precisa ser mãe e mulher de negócios ao mesmo tempo – mesmo que, no dia de um lançamento importante na sua empresa, ela também precise acompanhar a filha em uma emergência hospitalar.

Ouça abaixo, no Spotify. Ou, se preferir, escute o Retrato no Apple Podcasts ou Google Podcasts. Para outras plataformas, acesse nossa página no Anchor.

 

1251 Total Views 2 Views Today
COMPARTILHE

Ouça Também: