APRESENTA

Como criar um calendário editorial para sua marca?

Rafaela Carvalho - 28 nov 2019
Que tal começar o ano que vem com uma programação planejada para os posts da sua Página de Facebook e do seu Perfil do Instagram?
COMPARTILHE

O ano passou voando e você ainda não conseguiu sistematizar as postagens da sua empresa nas redes sociais? Acredite, essa é uma situação mais comum do que você pensa. Na rotina atribulada de quem empreende, muitas vezes aquele post do Instagram acaba sendo feito de última hora.

Mas não precisa ser assim: há um jeito de você planejar suas postagens de maneira estratégica e ter uma preocupação a menos no dia a dia. O aliado atende pelo nome de calendário editorial.

O calendário editorial organiza seu trabalho na produção de conteúdo de qualidade e na alimentação das suas redes sociais.

Ficou em dúvida sobre como fazer? Nós ajudamos! Separamos 6 dicas que funcionam como um passo a passo. Vamos a elas.

1. Saiba os hábitos de consumo do seu público

O primeiro passo para montar um calendário editorial eficiente é entender quem é o seu público e do que ele gosta. Você já deve ter lido aqui no nosso site sobre o quanto é importante ter em mente uma pessoa projetada que representa bem a sua audiência, para tê-la em mente ao elaborar os posts da sua marca.

Uma das grandes sacadas é pesquisar como esse público costuma consumir conteúdo.

Em qual plataforma está mais presente? Que tipo de post mais curte? Vídeos, infográficos? Que publicação registra mais comentários? Você pode usar as métricas das redes para isso e também explorar manualmente seus próprios posts. Dessa forma, você vai saber em quais formatos investir, qual a frequência razoável de publicações e que tipo de assunto faz mais sucesso.

 

2. Organize o seu tempo de produção

É obrigatório postar todos os dias? Não! E, acima de tudo, não é realista. Você precisa chegar a um equilíbrio entre as expectativas do público e a sua realidade. É comum que micro, pequenos e médios empreendedores acabem executando essa tarefa pessoalmente por falta de condições de contratar um profissional para cuidar do marketing digital. Por isso, pergunte-se: qual tempo tenho, na minha rotina, para produzir conteúdo?

Não adianta se propor a publicar todos os dias de você não consegue produzir 30 posts ao mês. É melhor trabalhar com uma periodicidade mais realista e caprichar.

O calendário editorial ajuda muito nessa otimização de tempo, já que a partir dele é possível montar os posts com calma. Você pode, por exemplo, separar um dia para fazer todos os posts da semana, ou concentrar a produção dos posts do mês inteiro em dois ou três dias.

 

3. Planeje em níveis: anual, mensal e semanal

Pense do macro para o micro. Ou seja: monte seu calendário anual, mensal e semanal. E registre isso em uma planilha.

Por exemplo: suponhamos que você vai aproveitar o mês de dezembro para planejar como vai ser sua atuação nas redes sociais no próximo ano. É importante ter uma visão mais geral do ano, considerando períodos de números maiores ou menores nas vendas, inclusive.

No planejamento mensal, há um refinamento. Em cada mês do calendário editorial, você deve distribuir os conteúdos datados e, a partir desse movimento, preencher outros dias com conteúdos atemporais. Assim, fica mais fácil criar uma uniformidade para suas redes.

Por exemplo: se você tem uma clínica veterinária e decidiu, analisando seu público e sua disponibilidade, que toda quarta-feira é dia de postar sobre uma doença comum em cachorros e como identificá-la, o calendário mensal permite que você faça essa distribuição de forma estratégica no período e crie um hábito no seu público.

O nível semanal também é importante, porque é possível deixar separado um tempo na rotina para verificar se há algum conteúdo de oportunidade (ou seja, algo novo que você não pode deixar de abordar), podendo remanejar a semana sem comprometer os posts em dias fixos. Ainda, nessa etapa, especifique os horários das postagens.

Com esse calendário em camadas, você tem em mãos não apenas um guia para ações futuras, mas um documento completo para analisar quais conteúdos já trabalhou e tiveram tanto sucesso que podem ser abordados novamente. Se você preencher essa planilha com dados de retorno, a eficiência será ainda maior. Por exemplo: criar um sistema de cores para marcar se um post teve pouco ou muito envolvimento te ajuda nas próximas decisões.

 

4. Lembre-se de feriados e datas relevantes

No nível anual, liste as datas comemorativas importantes: tanto aquelas que são feriados quanto as mais escondidas, como Dia do Cliente (15 de setembro). Ainda, tome nota das que são interessantes para o seu negócio: se você faz bombons artesanais, por exemplo, precisa concentrar esforços não só na Páscoa ou no Dia dos Namorados, mas também no Dia Mundial do Chocolate (7 de julho).

Com esse mapeamento, dá para planejar quais campanhas você vai impulsionar, por exemplo. Se seu negócio é uma papelaria artesanal, você já sabe que o período de volta às aulas é uma boa oportunidade para vender. Faz sentido dar um empurrãozinho em posts nos meses de janeiro e julho, certo?

 

5. Diversifique nos tipos de post de acordo com o objetivo da sua marca

Todo post é uma peça em uma estratégia ampliada de presença nas plataformas sociais. Cada conteúdo pensado no calendário editorial deve ter um propósito.

Pense da seguinte maneira: postagens com dicas e orientações geram autoridade e possíveis leads. Por exemplo, um vídeo no IGTV de um salão de beleza com um especialista explicando a forma certa de cuidar de um cabelo platinado. Já outras publicações podem ter a função de entreter, como um bingo na Página de um nutricionista para o público marcar as maiores mentiras que já contou para si mesmo na hora de adotar um estilo de vida mais saudável, do tipo “na segunda eu começo”.

De maneira geral, o planejamento macro deve compreender a diversidade de formatos, sempre vendo o que gera mais envolvimento. Se vídeos fizerem mais sucesso, é hora de pensar a forma de apresentar alguns assuntos previstos no calendário anual e mensal.

Uma página que deseja criar vínculo com seu público não pode apenas fazer propaganda de seus produtos e serviços, mas sim criar conteúdo relevante para o público.

Por isso, você deve se preocupar com a criação de conteúdo original, mas também realizar um trabalho de curadoria de coisas interessantes para apresentar. Isso ajuda inclusive a reduzir a quantidade de horas trabalhadas na elaboração de posts.

 

6. Use Stories para posts de oportunidade

Uma das maiores vantagens de criar um calendário editorial eficiente e em níveis é a otimização do tempo, não apenas para produzir material, mas também para publicar. Tanto o Facebook quanto o Instagram permitem que você programe os posts para o dia e horário do seu planejamento.

Mas e aquele assunto que está bombando nas redes e você acha legal trabalhar? Os Stories são um espaço propício para os conteúdos de oportunidade! Deixe esse recurso para uso mais livre, incorporando novidades do cotidiano da empresa, abordando um assunto do momento, como um meme, se sua linha editorial permitir. Mas, lembre-se: sempre seguindo o estilo de comunicação do Feed!

Aprenda aqui como explorar o potencial criativo nos Stories.

 

Vamos revisar as nossas 6 dicas para você criar um calendário editorial para mídias sociais e fazer seu tempo render para outras atividades da empresa?

 

Fonte: Ayala Melgaço, consultora em mídias sociais, palestrante e fundadora da agência Mafalda Comunica.

 

O post original desta publicação está aqui. O Facebook Para Empresas quer orientar e empoderar micro, pequenos e médios empreendedores no Brasil. Você pode conhecer mais acessando facebook.com/business, a Página Facebook Para Empresas ou o brand channel do Facebook no site do Draft.

519 Total Views 5 Views Today
COMPARTILHE

Confira Também: