Seleção Draft – Ciência

Kaluan Bernardo - 3 nov 2014
Como funciona o mundo depois das startupa? (Imagem: softwarelivre/reprodução).
Kaluan Bernardo - 3 nov 2014
COMPARTILHE

Brasil sobe no ranking de pesquisa e desenvolvimento.  Uma nova pesquisa da Thomson Reuters mostra que o país foi de 24º a 13º no ranking mundial de pesquisa científica e se destaca com um panorama ainda mais otimista para o próximos anos.

Pesquisa e desenvolvimento são essenciais para qualquer país se tornar inovador. Essa entrevista com Carolina Costa, diretora adjunta de ciência e inovação do governo do Reino Unido no Brasil, mostra um pouco sobre como os investimentos na área ajudaram o Reino Unido a se tornar um dos mais inovadores.

No entanto, quando olhamos especificamente para as empresas, o Brasil já não é tão representativo, tendo apenas 8 entre as mil mais inovadoras do mundo, segundo levantamento da Strategy&.

 

5 razões pelas quais startups israelenses são tão bem sucedidas. Israel é um dos grandes polos de empreendedorismo e inovação do mundo. O país tem 145 cientistas e engenheiros a cada 10 mil funcionários – nos EUA a proporção é de 85 para 10 mil. É um dos países mais envolvidos em tecnologia ao redor do mundo.

Mas por que logo Israel tem tais características? Esse ótimo texto da Tech Cocktail traz alguns aspectos da cultura lá que incentivam a inovação. Há a questão do incentivo militar, a enorme persistência da população, e os ideais por trás de cada criação. São elementos completamente diferentes do Vale do Silício, por exemplo, mas que funcionam muito bem e poucos observam.

 

Empreenda a si mesmo. O pessoal da GOMA quer promover um encontro para ajudar as pessoas tirarem da cabeça aquelas ideias que estão paradas há muito tempo. “Esse encontro se destina a todos que possuem a sensação de estarem vivendo um momento de transição significativa, seja mudando de profissão, começando a empreender e/ou promovendo transformações em suas vidas pessoas e familiares. A todos que sentem desejo de encontrar outras pessoas que vivem o mesmo”, diz a descrição do evento, que acontece dia 16, no Rio de Janeiro. Veja mais no vídeo abaixo:

 

A engenharia do acaso. Será que é possível criar intencionalmente situações de serendipidade — aquela descoberta feliz de algo que você nem sabia que estava procurando? É o que muitas empresas gostariam de fazer. As respostas para encontrar criar um ambiente propício à inovação talvez estejam em um conceito muito utilizado no Vale do Silício, conhecido como “serendipity engineering” (ou, vá lá, “engenharia de serendipidade” em português), que tenta promover as melhores condições de trabalho pensando não só na produtividade, mas principalmente nas boas ideias.

É por isso que o Facebook chamou grandes arquitetos para pensar no local de trabalho ideal, ou que Marissa Mayer aboliu o home office no Yahoo!. Segundo ela, trabalhar de casa nos faz mais produtivos, mas menos criativos, já que as boas ideias normalmente vêm daquela rápida conversa próxima à máquina de café no corredor. Leia mais sobre as ideias aqui.

478 Total Views 1 Views Today
COMPARTILHE

Confira Também: