APRESENTA

Comida de verdade era a que nossas avós faziam. Comemore o dia delas com receitas que trazem conforto e boas lembranças

Cláudia de Castro Lima - 23 jul 2020
Por que a cozinha delas é tão especial? Descubra aqui algumas razões e conheça duas receitas do livro Comida de Vó, da jornalista Mariana Weber, e duas indicadas pela nutricionista da Sodexo.
COMPARTILHE

“Não coma nada que sua bisavó não reconheceria como comida.” Esse é um dos mantras do jornalista e escritor norte-americano Michael Pollan, autor de diversos livros que figuraram nas listas de best-sellers do jornal The New York Times.

Entre seus conselhos, está o de imaginar que sua avó ou bisavó anda a seu lado empurrando o carrinho do supermercado na hora de fazer compras. “Hoje há no mercado milhares de produtos com algum ar de comida que nossos ancestrais simplesmente não reconheceriam como comida”, explica ele. Comida de verdade – é isso que nossas avós preparavam.

“Cozinha de avó é especial porque conversa com a história da gente”, afirma a jornalista Mariana Weber, autora do livro Cozinha de Vó (Ed. Abril). “Ela conta um tanto de onde nós viemos, de quem nós somos. Faz parte da nossa formação, da construção dos gostos e das memórias.”

Da paixão e curiosidade de Mariana acerca das receitas de família, nasceu também a plataforma O Caderno de Receitas. “Claro que quando saímos para o mundo temos chance de aprender e amar novos sabores, mas esse repertório inicial, com sorte entremeado por momentos de carinho, de conforto, vai nos acompanhar a vida toda, de forma mais ou menos consciente”, diz ela.

“Comida é sinônimo de cuidado, afeto, alegria, festa, comemoração”, afirma Soraia Batista, nutricionista da Sodexo. “Nossas avós não se preocupavam com as calorias nem se a receita levava muita ou pouca gordura, sal, açúcar, se tinha ou não glúten. O importante era estar gostoso para que todos comessem – e muito – bem.”

Para a nutricionista, a fórmula de nossas avós juntava “comida de verdade + carinho + amor + uma pitadinha de magia + o conforto que o contexto dessa comida nos remete”. O resultado? “É praticamente impossível as receitas e o conceito de ‘comida de vó’ não serem tão incríveis.”

Para celebrar o Dia dos Avós, comemorado no Brasil e em Portugal em 26 de julho, separamos duas receitas indicadas por Soraia (polenta e pão) e duas da avó de Mariana (bolinho de polvilho e pudim de leite condensado com limão e baunilha). Basta clicar nos links para conhecer os ingredientes e o modo de preparo de cada delícia.

Bom proveito!

PÃO DE VÓ

POLENTA CREMOSA

BOLINHO DE POLVILHO

PUDIM DE LEITE CONDENSADO COM LIMÃO E BAUNILHA

1743 Total Views 2 Views Today
COMPARTILHE

Confira Também: